Vínculo com a igreja:

Recado ao leitor:

Receba atualizações em seu e-mail!

Vídeo do mês:

jesusnafamilia no WhatsApp:

jesusnafamilia no WhatsApp:

sexta-feira, 12 de junho de 2015

CARTA DE REPÚDIO - 19ª Edição da parada do orgulho GLBT

São Pedro da Aldeia, 12 de junho de 2015.




CARTA DE REPÚDIO - 19ª Edição da parada do orgulho GLBT




Em pleno direito de expressar a minha opinião venho expor a minha indignação pela a realização da 19ª Edição da parada do orgulho GLBT que foi realizada no Estado de São Paulo em 07 de junho desse ano corrente. Sinto-me desrespeitado como cristão, pai e cidadão.



Como cristão recrimino a utilização de símbolos religiosos (como por exemplo a cruz) na forma obscena. Não se pode agir dessa maneira, pois trata-se de uma afronta a todos os cristãos evangélicos e católicos. Essa atitude só demonstra o ativismo que envolve esses ajuntamentos visando a baderna. Como cristão oro por essas vidas para que chegue o arrependimento. Deixo um alerta aos que participam, promovem ou apoiam esses atos, pois a Palavra de Deus é bem clara quando pegamos o nome de Jesus Cristo e jogamos na lama. Veja:



Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que homem semear, isso também ceifará” (Gálatas 6:7).



As sementes jogadas hoje irão crescer e ao que semeou colherá os frutos!



Como pai lamento por todos os pais dessas pessoas que dedicaram o seu tempo para criar os seus filhos ensinado o que é certo e errado. Os pais precisam estar atentos aos filhos e esses por sua vez, precisam aceitar os ensinamentos dos pais. Necessitamos ter atenção ao que é divulgado na mídia televisiva, pois cresce a cada dia o homossexualismo. A mídia quer normalizar aquilo que não pode ser normal! Nenhum pai quer ver o seu filho dessa maneira. No fundo o coração de um pai se entristece por ver “o seu pequenino” ter escolhido um caminho tão errado. Como pai lamentamos, mas temos que discipliná-los!



Como cidadão só tenho a observar como a sociedade caminha a passos largos para a destruição. A sociedade está dormindo um sono profundo ao se acostumar com essas paradas gay. Sem falar na Justiça que não se manifesta, pois o artigo 208 do Código Penal enquadra como crime o que ocorreu nessa 19ª Edição da parada do orgulho GLBT. Transcrevo a lei:



== Art. 208 - Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso:
Pena - detenção, de um mês a um ano, ou multa.
Parágrafo único - Se há emprego de violência, a pena é aumentada de um terço, sem prejuízo da correspondente à violência. ==

Fica aqui registrado o meu manifesto, no direito exerço.





                                                       Presbítero Marcello
                                                                             Autor do Blog: jesusnafamilia.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário