Vínculo com a igreja:

Recado ao leitor:

Receba atualizações em seu e-mail!

Vídeo do mês:

jesusnafamilia no WhatsApp:

jesusnafamilia no WhatsApp:

sábado, 9 de dezembro de 2017

Deuses escondidos







(Êxodo 20:3)

“Não terás outros deuses diante de mim”.



Todos nós quando nos deparamos com esse versículo que faz parte do decálogo, imediatamente somos remetidos às imagens de esculturas. É com esse propósito, sim, que Deus o assim escreveu.



Esses deuses são visíveis, porém os maiores deuses estão dentro de nós e ficam lá escondidos de forma secreta. Deuses do orgulho, deuses da soberba, deuses da inveja, deuses da cobiça entre outros. 


Quais são os deuses que você tem alimentado com o seu comportamento? Não sirva a dois senhores, sirva somente ao Deus de Israel. Sirva a Jesus!

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Na força do seu braço




(Êxodo 2:12)
“E olhou a um e a outro lado e, vendo que não havia ninguém ali, matou ao egípcio, e escondeu-o na areia”.
 
Tem pessoas que só sabem resolver os seus problemas na força dos seus braços. Geralmente são impacientes e imediatistas sendo também características de jovens. Confundem músculos com cérebro! Moisés achava que os seus braços também tinham poder para resolver as coisas.
Deus te capacitou com inteligência e no poder de sua Palavra concedeu-lhe sabedoria mediante, unicamente, através das Escrituras Sagradas. Aprenda a orar recebendo a direção de Deus. A oração, em muitos casos, é melhor do que as palavras. Os músculos são importantes, mas desde que obedeça à Palavra de Deus.
Deus te abençoe!     

 

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

O que você tem levado em sua bagagem?




(1º Samuel 25:18)

“Então Abigail se apressou, e tomou duzentos pães, e dois odres de vinho, e cinco ovelhas guisadas, e cinco medidas de trigo tostado, e cem cachos de passas, e duzentas pastas de figos passados, e os pôs sobre jumentos”.

 

Já deu uma olhada hoje em sua bagagem? Dê uma olhadinha e veja se não anda carregando coisas que não deveria carregar. Às vezes o peso é devido às coisas inúteis que lá estão e se assim você anda, faz-se necessário esvaziar. Sei que em muitas vezes é difícil ter coragem de fazer isso, porém não seja teimoso (a).

Podemos aprender com Abigail que ao preparar a sua bagagem demonstra que se trata de uma mulher que busca apaziguar os ânimos. Você tem promovido a paz ou a discórdia? Ela mandou preparar uma bela bagagem com alimentos proporcionando a paz e intercedendo pelo seu esposo Nabal. Davi a recebeu e o seu objetivo foi alcançado.

O que você transporta diz quem és?

 

(Isaías 52:7)

“Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina!”

 

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Exposição Queermuseu do Banco Santander


 
 

A exposição de “arte” feita pelo Banco Santander trouxe, segundo rumores, a saída de muitos clientes correntistas. Ela tinha como objetivo valorizar a diversidade sexual através de temáticas LGBT. Os rumores são de que até agora 22.000 correntistas romperam com o banco. Lógico que grande parte é de cristãos por não concordarem com a exposição (também não concordo).

Romper com o banco é a solução? Quem errou? Foi a instituição Santander ou o funcionário que autorizou expor tal “arte”? Não discordo e nem concordo pelos que agiram assim. Cada um faça o que julgar melhor e é certo que a saída desses correntistas e de outros que estão saindo deu uma grande lição (prejuízo financeiro).

Se o meu filho errar, rompo com ele?
Se a minha esposa errar, rompo com ela?

Sou capaz de romper com o banco, mas não rompo com a minha língua!
Sou capaz de romper com o banco, mas continuo a não dar o dízimo!

Se for para romper devo fazer isso comigo mesmo, pois sou um pecador:

“Se dissermos que não temos pecado nenhum, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós” (1ª João 1:8).

Precisamos ter cautela para não virarmos legalistas. Que saia do banco quem quiser, mas termino com as palavras do Senhor Jesus:

 
“Jesus, porém, foi para o Monte das Oliveiras.
E pela manhã cedo tornou para o templo, e todo o povo vinha ter com ele, e, assentando-se, os ensinava.
E os escribas e fariseus trouxeram-lhe uma mulher apanhada em adultério;
E, pondo-a no meio, disseram-lhe: Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, adulterando.
E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes?
Isto diziam eles, tentando-o, para que tivessem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra.
E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela.
E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra.
Quando ouviram isto, redarguidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio.
E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou?
E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais.” (João 8:1-11).

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Onde tens demonstrado que és servo?


 

 

 
 

Tempos atrás recebi um livro do meu pastor – Reverendo Moizés Moreira – cujo título é “A Revolução da toalha”, autor: Anselmo Amaral. Logo na leitura das primeiras páginas pude perceber o quanto o livro pode contribuir com a nossa caminhada.

Ao realizar a leitura senti o quanto Deus começou a ministrar em meu coração a cerca do exercício da liderança. Trata-se de uma leitura muito importante e edificante para aqueles que pretendem ou já exercem algum tipo de liderança, principalmente na Casa de Oração (igreja). No decorrer da leitura o Espírito Santo me fez uma pergunta:

- Por que apesar de tantas literaturas, livros e diplomas ainda careço de servos e servas de Deus?

Ele mesmo respondeu:

- Porque os que leem e estudam esperam a oportunidade de aplicarem os conhecimentos dentro da igreja, e é aí que está o erro!

Compreendi que a servidão começa quando estamos a sós, em casa e em família, amigos, trabalho e etc. Se esse princípio não for observado vamos reproduzir uma imagem na igreja ao qual não somos na íntegra. Ou seja, crentes de duas faces! Como vamos servir se somos reprovados nessas áreas vitais? Até onde queremos chegar disfarçando a nossa hipocrisia?

 

 

(Mateus 23:25)

“Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniquidade”.


(1ª Timóteo 3:5)

“Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?”.

 

 

 

 

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Saindo da tenda


 

 


(Gênesis 15:5)

“Então o levou fora, e disse: Olha agora para os céus, e conta as estrelas, se as podes contar. E disse-lhe: Assim será a tua descendência”.

 

Como seria bom avistarmos o que Deus tem para nós sem a obrigação de sairmos de dentro da tenda... lá dentro é tão confortável. Para compreendermos Deus e nos apoderar de suas promessas faz necessário abrir mão da tão confortável posição. Muitas tendas nos aprisionam e impedem de avançar-nos: tenda da arrogância, tenda da falta de perdão, tenda da mentira, tenda da dissimulação, tenda da soberba, tenda do ódio, tenda do egoísmo e tantas outras.

 

Dentro da tenda só avistamos a nossa ótica, porém quando saímos dela percebemos o quanto Deus quer nossa abençoar de modo que a nossa família será também alcançada. Acho que já está na hora de você se posicionar e buscar o que é teu em Cristo! Está preparado para contar as estrelas? “se as podes contar”.

 

 Ao sair da tenda não esqueça que o segredo é olhar para o céu, portanto foque no alvo certo. Olhe para Cristo e creia Nele!

 

Deus te abençoe.