Vínculo com a igreja:

Recado ao leitor:

Receba atualizações em seu e-mail!

Vídeo do mês:

jesusnafamilia no WhatsApp:

jesusnafamilia no WhatsApp:

segunda-feira, 12 de maio de 2014

O HOMOSSEXUALISMO À LUZ DA BÍBLIA

Definição do termo

Para um bom entendimento é importante buscarmos o significado da palavra homossexualismo que segundo o dicionário da língua portuguesa Houaiss diz ser a prática amorosa e/ou sexual entre indivíduos do mesmo sexo. A Bíblia trata desse assunto? - Sim. Vejamos:

A criação de Deus

Vamos ao livro de Gênesis haja vista ser o livro responsável em registrar os momentos da criação de Deus. Lemos em 1:27 “E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou”. Ambos foram criados por Deus para dominarem sobre todos os tipos de animais e por desígnio divino eles eram fisicamente diferentes a fim de cumprirem o mandamento de Deus de multiplicaram-se, ou seja, nenhum deles podia gerar filhos sem a participação do outro.   No v.28 Deus os abençoa e ordena a multiplicação “multiplicai-vos, e enchei a terra”. Deus continua com os planos para Adão e Eva - a sua criação - e no 2:24 lemos “Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne”. Deus criou o homem para a mulher e a mulher para o homem. Nesse momento cria-se  a primeira instituição familiar com o relacionamento marital. 

Diante dessas poucas palavras podemos entender claramente que a união homossexual fere pelo menos três princípios da criação que são:

¨ A união fere um desígnio/princípio divino;
¨ Não ocorre a produtividade de filhos; e
¨ Fere a individualidade divina para o casamento “e serão ambos uma carne”.

Rejeitando a vontade de Deus

Muitas pessoas que optaram pela a homossexualidade foram porque não aceitaram o seu nascimento, ou seja, gostariam de ter nascido no sexo oposto. Esse sentimento errado não vem de Deus, pois Ele é soberano e sabe o que é melhor para nós. Todos devem agradecer por terem nascido de acordo com os planos de Deus e o no Salmo 139:14 vemos o salmista muito alegre pelo o fato de ele ter descoberto que a sua formação foi feita por Deus, pois está escrito assim: “Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem”. 
O salmista expressa toda a sua gratidão a Deus pela a maneira com que foi formado e entende que houve uma providência divina pelo o seu nascimento. Ele expressa que tudo o que Deus faz é benéfico, inclusive a sua formação!

A natureza sexual

O Apóstolo Paulo se deparou na cidade de Corinto que era conhecida como a capital dos vícios gregos com um grande erro que estava acontecendo entre as pessoas em relação as suas práticas sexuais. Em uma de suas cartas ele adverte severamente sobre essa prática errônea de costume gentílico. O Apóstolo se deparou com a prática do homossexualismo. Na carta aos romanos ele é bem claro ao dizer que a natureza do homem e da mulher tinha se corrompido e que o modo natural criado por Deus foi perdido, pois diz assim em Romanos 1:27 “E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro”. Havia naquele momento um paroxismo na concupiscência carnal e a esperança do Apóstolo é que os mesmos chegassem a conclusão que essa horrível prática era pecado e  nos versículos seguintes - 28 ao 31 - ele adverte que haveria consequências pelos atos escolhidos. Toda concupiscência carnal leva o homem a degradação física, moral e espiritual!

Romanos 1:32

“Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem”.

O Apóstolo Paulo termina o primeiro capítulo desse livro no versículo 32 e suas palavras são profundas a respeito do juízo de Deus e ao esmiúça-lo temos:
¨ Presença da ira de Deus pela a incredulidade e rebelião, conforme Romanos 1:18;
¨ Julgamento sobre as ações maléficas que eles optaram;
¨ Deus adverte antes de punir;
¨ Uso do livre arbítrio para o mal;
¨ O pecado que se transformou em entretenimento; e
¨ O que encoraja ou consente também sofrerá juízo divino.

Abominação aos olhos de Deus

“Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é” (Levítico 18:22).
“Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles” (Levítico 20:13).

Um dos propósitos essenciais do livro de levítico era trazer aos sacerdotes e levitas suas responsabilidades quanto a adoração a Deus e um manual de conduta para o povo hebreu, pois Deus queria ensinar que todos devem ter a sua vida de modo santo. Abominação à luz da Bíblia significa:Aquilo que os israelitas deviam rejeitar por ser imundo, reprovável ou repugnante”. Aos que praticam serão excluídos do Reino de Deus conforme 1ª Corintios 6:9-10.

O amor de Deus

“16 - Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
17 - Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele” (João 3:16-17).

O amor de Deus é igual para todos, porém as práticas erradas são as pessoas que escolhem e são justamente elas é que nos separaram Dele. Antes de haver condenação eterna, Deus nos enviou seu filho Jesus para a Salvação eterna! Se arrepender e aceitar a Jesus como o seu Salvador é o único caminho a seguir!


























Nenhum comentário:

Postar um comentário